ENQUETES

O que você achou da eliminação da seleção brasileira da Copa da Rússia?

PUBLICIDADE

Política / VICE-PRESIDÊNCIA
13.01.2018 | 10h01
Tamanho do texto A- A+

Cúpula do PP vê “chances reais” de Maggi em projeto nacional

Entre as possibilidades, estaria a de ser vice de Geraldo Alckmin (PSDB-SP) ou Rodrigo Maia (DEM-RJ)

MidiaNews

Clique para ampliar

Ezequiel Fonseca: O nome do ministro Blairo Maggi em um projeto nacional é viável

DOUGLAS TRIELLI
DA REDAÇÃO

O secretário de Políticas Agrícolas do Ministério da Agricultura, Neri Geller (PP), disse haver “chances reais” do ministro da Agricultura, Blairo Maggi (PP), entrar em um projeto nacional, com chances de disputar a Presidência da República.

 

Entre as possibilidades estaria a de ser vice de uma possível candidatura à presidência do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), ou do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

 

“Existe a possibilidade real, e estou vendo ela muito forte, de o Blairo participar de um projeto nacional. Ele tem deixado claro que vai viabilizar candidatura à reeleição no Senado. O foco é a reeleição. Mas estou lá em Brasília e estou acompanhando, e vejo uma possibilidade grande de um projeto nacional do Blairo. E ela é factível”, disse Geller.

 

Segundo o presidente regional do PP, deputado federal Ezequiel Fonseca, a candidatura de Blairo é ventilada em Brasília por conta de seu bom desempenho no Ministério da Agricultura, em especial após a Operação Carne Fraca, da Polícia Federal.

 

Nós estamos trabalhando isso a nível nacional. O Blairo Maggi se destacou como ministro do Michel Temer

“Nós estamos trabalhando isso, a nível nacional. O Blairo Maggi se destacou como ministro do Michel Temer, principalmente no episódio da arne Fraca, quando o Brasil poderia entrar em uma situação difícil, conseguiu contornar economicamente essa questão. Ele fez do limão uma limonada e as coisas andaram. Isso fez com que as coisas andassem e que o Blairo ficasse em uma posição muito boa”, afirmou.

 

“Então, o PP tem essa possibilidade, dentro da nossa avaliação, de ter a indicação do Blairo como candidato a vice-presidente. Pode até não ser do Geraldo Alckmin, mas foi ventilado e continua sendo lá em Brasília”, disse.

 

A eventual candidatura de Blairo Maggi a vice também pode impactar no cenário em Mato Grosso. Isso porque, caso o ministro seja vice de Alckmin, pode haver uma imposição para que o PP componha com o governador Pedro Taques (PSDB), que deve ir à reeleição.

 

Entretanto, Ezequiel já afirmou que seu desejo é romper com o tucano e caminhar com a oposição.

 

“É certo que, em um caso desses, o Geraldo Alckmin pode forçar essa aliança. Mas pode ser que não ocorra porque, nas eleições passadas, houvecasos de pessoas que estavam com o presidente, mas não com o governo”, disse Ezequiel.

 

Leia também:

 

Ezequiel: Maggi quer Mauro como candidato ao Governo pelo PP

 

PP se alia à oposição e diz que projeto de Taques “fracassou”

 

"Se fracassou, também é culpa do PP, que tem gente no Governo"

 




Clique aqui e faça seu comentário


4 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Itamar  14.01.18 21h50
Acho que: Quanto menos o Ezequiel aparecer, melhor pra ele, o povo toda vez que o vê, se lembra daquelas imagens que saíram no Fantástico, no Jornal Nacional, no Jornal Hoje e em todos os Jornais da imprensa nacional.
4
0
Jose Alberto  14.01.18 14h28
Jose Alberto, seu comentário foi vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas
MCM  13.01.18 15h27
O deputado já foi desmentido uma vez sobre o senador Maggi. Será que ele está falando a verdade?
6
2
edy marcos  13.01.18 10h34
Três formas de poder impera no planeta: forças, riqueza e sabedoria o principal. Ele tem duas e é inteligente. Mas tem muito contra também, mas não vejo muito empecilho por enquanto. Todos cargos de presidente a dep. estadual estão aberto, pois não sabemos se os jovens vão participar, como votarão o povo depois dos escândalos...só quando depois das previas, das escolhas, da campanha em si saberemos...das eleições,,mas dá para projetar.
3
7
1999-2018 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados

Ver em: Celular - Web